15 de ago de 2013

BLaC: uma alternativa inovadora


O Projeto Taquara Bambu conta com a presença da grade universitária e de diversos cursos. Com isso, são desenvolvidas pesquisas a respeito das diferentes maneiras com que o bambu pode ser utilizado. Desenvolvem-se produtos que elevam o valor agregado, passando assim a experiência que adquiriu-se ao Assentamento Rural Horto de Aimorés e vice-versa.

A aluna de Design de Produtos, da Unesp Bauru, Lívia Garcia Ferrari, membro do projeto pela frente de “Produção e Pesquisa”, concluiu este mês um projeto que está desenvolvendo desde setembro de 2012 com o estudo do desenvolvimento de produtos com Bambu Laminado Colado (BLaC).  O BLaC pode ser uma alternativa a madeira convencional já que este pode ser produzido sem a necessidade da derrubada da planta original e consequentemente tendo a necessidade de seu replantio. A espécie utilizada por Lívia é a do bambu gigante – Dendrocalamus giganteus, coletadas na área agrícola da Unesp de Bauru.


Para a produção do BLaC utiliza-se ripas retiradas do bambu que são tratadas contra brocas e outros insetos que alimentam-se do amido existente no colmo; após isso o bambu é separado em ripas que são processadas. Começa assim o maior quebra-cabeça, as placas de bambu devem ser montadas sem a utilização de cola ou outros aderentes para a verificação de vãos ou defeitos, após essa primeira etapa, finalmente chega a parte em que é colocada a prática todas as aulas de design e projetos. Colam-se as ripas e o resultado são produtos maravilhosos como essa linda cadeira que Lívia desenvolveu.

 E você? Gostou da cadeira? Curtiu a técnica utilizada? São pensamentos como este que mudam o mundo para melhor!

Texto por: Verônica Gonçalves. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário