21 de mai de 2012

Projeto do Grupo Taquara é premiado no II Fórum de Extensão Universitária do Campus de Bauru

Aconteceu nos dias 15 e 16 de maio de 2012 o II Fórum de Extensão Universitária do Campus de Bauru, evento que é também o VII Fórum, a 4ª Mostra de Extensão Universitária e o X Encontro de Extensão Universitária do Centro de Psicologia Aplicadada da Faculdade de Ciências.



O Grupo Taquara participou com a apresentação de dois projetos de extensão, o “Projeto Taquara” - que diz respeito às nossas ações ligadas à comunidade bauruense, e o projeto “Desenvolvimento de produtos artesanais e em bambu laminado colado e a transferência desse conhecimento para a comunidade do Assentamento Rural Horto do Aimorés”. Os banners apresentados:

  

O fórum, que contou com a inscrição de cerca de 130 projetos de toda a Unesp, ainda realizou uma seleção de 9 projetos a serem premiados e selecionados para uma apresentação oral. Um deles, o nosso de “Desenvolvimento de produtos artesanais e em bambu laminado colado e a transferência desse conhecimento para a comunidade do Assentamento Rural Horto do Aimorés”.


Abaixo a listagem completa de projetos selecionados: 


PARA APRESENTAÇÃO ORAL

FACULDADE DE CIÊNCIAS (FC)
1. Projeto Rondon: Dificuldades e perspectivas educacionais para programas sociais. Autor: Francisco Gouvêa Júnior - Dep. de Biologia. Apresentador: Carolina Mendes
2. Psicologia da Morte: Grupos Terapêuticos e atendimento individual para pessoas enlutadas. Autora: Alessandra Andrade Lopes - Dep. de Psicologia. Apresentadora: Alessandra Andrade Lopes

FACULDADE DE ARQUITETURA, ARTES E COMUNICAÇÃO (FAAC)
1. Capoeira Angola de Mestre João Pequeno da Pastinha: Um exercício de prática pedagógica em arte-educação. Autor: Rosa Maria Araújo Simões - Dep. de Artes e Representação Gráfica. Apresentador: Celso A. de Oliveira e Gabriel M. Nascimento

2. Ação UBA - Atendimento ao grupo de Artesãos. Autor: Cláudio Goya - Dep. de Design. Apresentador: Ana Carolina Toiama

FACULDADE DE ENGENHARIA (FE)
1. Desenvolvimento de artesanato em bambu e em bambu laminado colado e a transferência desse conhecimento para o assentamento rural do Horto de Aimorés. Autor: Marcos Antônio do Reis Pereira - Dep. de Engenharia Mecânica. Apresentador: Ana Lia Ferrari, Livia Ferrari, Lucas Abreu e Danielle Nakatsu.
2. Jogo Mercado Virtual: Ensino e aprendizagem no ensino superior. Autor: José de Souza Rodrigues - Dep. de Engenharia de Produção. Apresentador: Heice Moraes, Guilherme Preano e Bruno Hirata.


PROJETOS CATEGORIA INOVAÇÃO

FACULDADE DE CIÊNCIAS
Análise e programação do ensino de leitura na sala de recursos do ensino fundamental. Autor: Profª Drª ana Cláudia M. A. Verdu (D. Psicologia). Apresentador: Renata S. Ruano

FACULDADE DE ARQUITETURA, ARTES E COMUNICAÇÃO.
Acervo de artes visuais - FAAC - Campus de Bauru. Autor: Nilson Ghirardello - Dep. de Artitetura. Apresentador: Audrerey Jorge

FACULDADE DE ENGENHARIA
Projeto Iluminação: Levando hábitos de consumo racional e seguro da energia elétrica às comunidades de Bauru e região. Autor: André Nunes de Souza - Dep. de Engenharia Elétrica. Apresentador: Gabriel Inove e Aline Teraswa



Parabéns a todos que participaram!

17 de mai de 2012

Feira das Nações, Pederneiras


O Grupo Taquara e o Grupo Agroecológico Viverde participarão entre os dias 17 e 22 de Maio da Feira das Nações em Pederneiras com um stand de vendas.

A feira, sempre realizada no mês de maio (mês do aniversário da cidade), conta com shows musicais, parque de diversões e barracas típicas (nações, e regiões brasileiras). São 3 a 4 dias de boa festa, que conta com a participação não só da população de Pederneiras, mas de toda a região.




Participação do Viverde na Feira das Nações de 2011

Para isso, o laboratório passou essa semana e a passada em ritmo de produção. Colheres, luminárias, chaveiros, brincos, porta cds, copos, cabide, mandalas, mensageiro dos ventos, etc.




Quem estiver pela região, vale a pena conferir!
O evento acontece no Recinto de Exposições Jose Augusto de Carvalho.

14 de mai de 2012

Projeto Taquara participa de Ato Contra a Corrupção em Bauru

O grupo Taquara participou, no penúltimo sábado (05/05), em Bauru, de um ato contra a corrupção. O evento ocorreu no parque Vitória Régia e o Taquara contribuiu com duas oficinas, uma de pipa e uma de montagem das estruturas em bambu pré-elaboradas pelo grupo. São elas a parabolóide, a geodésica, a origami e a pirâmide.

Origami


Estrutura dobrável inspirada nos origamis. Os seus pilares em V podem aproximar-se ou afastar-se do centro da estrutura, podendo assim aumentar a sua área ou a sua altura. As conexões são feitas com amarras de borracha (câmaras de pneu cortadas em tiras).


Parabolóide


Estrutura desenvolvida pelo grupo cuja cobertura é uma parabolóide hiperbólica (uma superfície tensionada). É feita uma grade de varas de bambu amarradas com borracha e depois, ela toda, é tensionada com a ajuda de uma corda.


Geodésica


Estas cúpulas apresentam extraordinária resistência e leveza. A sua estrutura consiste em barras de qualquer material, e o domo pode ser feito em qualquer tamanho, desde que o tamanho das suas barras sejam calculadas corretamente.
A sua resistência deve-se ao formato esférico, e aos triângulos que compões sua estrutura. Qualquer força aplicada no domo se distribui igualmente até sua base, assim como os arcos na engenharia e arquitetura.


Pirâmide


Inspirado em uma antiga brincadeira de criança, subir em árvores , a pirâmide de exercícios tem como proposta o desenvolvimento da consciência corporal, flexibilidade, alongamento, força e concentração.
Criado por Marcelo Rio Branco dentro dos conceitos da Integral Bambu, que busca o autocuidado e a longevidade funcional. A atividade consiste em movimentar-se por uma estrutura de bambu e pelo chão, sempre com a possibilidade de recriar os instrumentos e os movimentos.


O Ato Contra a Corrupção

Organizado pelo grupo Conexão Cidadã – Consciência sem Limites, este foi o primeiro evento de muitos que o grupo pretende promover. Tem como objetivo despertar o senso crítico do cidadão para os problemas públicos e, assim, instigar a participação dessa população nos assuntos políticos e representativos em forma, principalmente, de fiscalização da transparência e competência dos políticos eleitos.



Juntamente à BATRA (Bauru Transparente) o grupo aproxima o cidadão da possibilidade de combate à corrupção pela restrição da área de atuação do corrupto.


Veja mais fotos do evento aqui!